Reino Unido inicia ruptura com a União Europeia

29 de março de 2017

O processo de saída do Reino Unido da União Europeia deu-se início na manha desta quarta-feira, nove meses após o referendo do qual se aprovou o afastamento do bloco europeu, conhecido como Brexit. Porém, essa separação só acontecerá depois de pelo menos dois anos de negociação com os outros 27 integrantes do bloco.

Essa é a primeira vez que um país pede para deixar o grupo e o primeiro passo para romper o vínculo com seu principal aliado comercial e político começou com a ativação do artigo 50 do Tratado Europeu de Lisboa, através de uma carta entregue pelo embaixador britânico na UE, Tim Barrow, ao presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk.

Tusk prometeu informar na sexta-feira as primeiras diretrizes do processo de negociação, mas uma resposta formal do bloco dificilmente será divulgada antes do primeiro encontro oficial dos países membros, já sem a presença do Reino Unido, em 29 de abril.

O processo para encerrar 40 anos de união não é automático e se anuncia um divórcio difícil, porque tem de ser discutido com os outros 27 membros do bloco. O afastamento de um país-membro é inédito no bloco.

A negociação é muito complexa, já que exige rescisão de vários tratados internacionais. Só com a União Europeia, há pelo menos 80 mil páginas de acordos. Por isso, é provável que, após a negociação, exista uma fase de transição.


Tags:, , , , , , , ,