OAB protocola pedido de Impeachment de Temer na Câmara

25 de maio de 2017

Foi entregue à Câmara dos Deputados nesta quinta-feira um pedido de impeachment, que já vinha sendo anunciado desde o último final de semana, contra o presidente Michel Temer e elaborado pela Ordem dos Advogados do Brasil, que usa como base a delação premiada de executivos da J&F para argumentar que o presidente cometeu crime de responsabilidade e violou o decoro do cargo de presidente.

“O pedido da OAB leva em consideração as manifestações do presidente da República, que em dois momentos, em rede nacional de televisão, declara textualmente conhecimento com relação a todos os fatos. O presidente declara que escutou desse empresário, que ele nominou como fanfarrão e delinquente, todos aqueles crimes e nada fez com relação ao que escutou”, disse o presidente da OAB, Claudio Lamachia, ao chegar à Câmara.

Com este novo pedido, já somam 16 solicitações protocoladas no Congresso Nacional para que Temer seja destituído do cargo, sendo que 13 foram apresentadas desde a semana passada, logo após o conteúdo da delação premiada dos executivos do grupo JBS vir à tona.

O pedido da OAB foi protocolado na Câmara pelo presidente da entidade, Claudio Lamachia, por conselheiros federais e presidentes das seccionais da entidade representativa dos advogados.

No último fim de semana, representantes da OAB de 24 estados e do Distrito Federal votaram a favor da apresentação de um pedido de impedimento do peemedebista. Só a seccional da entidade no Amapá se posicionou contra.


Tags:, , , , , , , , , ,